domingo, 15 de março de 2009

Meu filho me fodeu como uma puta...



  • Sou separada há quatro anos. Moro eu e meu filho de 18 anos. Eu tenho trinta e seis anos. Sou branca, cabelos pretos curtos, alta, tenho um corpo bem escultural. Depois da separação de meu marido, ainda não tinha feito sexo. Antes mesmo de me separar, uns seis meses, que já nada mais fazia com o ex-marido. A situação estava insuportável entre nós, e a separação foi a saída para não acontecer uma coisa pior entre nós. Meu filho, Jonas, se conformou, e vive bem feliz comigo. Como ia dizendo, desde a separação estou virgem, apenas me masturbo nas longas noites sozinha em meu quarto, quando o desejo invade meu corpo, mas que devido ao que passei com o ex-marido, falta-me coragem para deitar com outro homem, preferindo meus próprios dedos. O Jonas estuda na parte da tarde. Certa vez chegando mais cedo do trabalho, futucando suas gavetas, encontrei várias revistas de sexo e uma fita de filme porno. A curiosidade bateu em mim e desfolhei a revista. O desejo também bateu e me masturbei. Depois, coloquei a fita no video e assisti aquilo que tanta vontade tinha de fazer. Logo guardei tudo e não mais mexi, apesar de estar sempre com vontade de me masturbar vendo aquela fita. Pegar uma fita na video locadora, era difícil, pois não tinha coragem, o pessoal de lá me conhecia e sabia que eu era separada. Pensava sempre: O que eles pensarão de mim? Coisas de pessoas velhas. Bom, há quinze dias atrás, fui trabalhar e no trabalho me senti mal, retornando para casa ainda de manhã. Cheguei por volta de dez horas, e pensei: - O Jonas ainda deve estar dormindo. Fui ao seu quarto e estando a porta enconstada, entrei: - Jonas o que é isso? Estava ele e a Andreia (vizinha) deitados na cama sem roupa e ela chupando o pintinho dele [que pintinho nada, deveria ter uns dezeseis cm]. - Mãe, calma que eu explico. disse Jonas. - Vai ter que explicar direitinho, e voce Andreia, que vergonha. - Calma D. Marise, o Jonas te explica tudo. Minha cabeça pirou. Será que era a primeira vez ou sempre acontecia? Eu não estava em casa nas manhãs? Após Andreia sair, sentei na cama e o Jonas [ainda de pinto duro], começou a me contar que eles já faziam isso há muito tempo. Dando uma de durona e curiosa também, perguntei o que eles faziam? Se a Andreia ainda era virgem? O Jonas me contou que era, mas que ele tinha tirado a virgindade dela e que eles faziam todas as coisas, inclusive anal. Mandei que ele fosse tomar banho e fosse para o colégio, pois estava na hora. Fui para meu quarto e ao mesmo tempo que aborrecida pensava naquilo, notei que estava com minha perereca molhada. O Jonas estava tomando banho. A porta do banheiro estava aberta, pois ele não tinha vergonha comigo. Eu tomava meu banho de porta fechada, mas ele não. Entrei no quarto dele e espiei pela porta e vi que ele se masturbava, talvez terminando o que interrompi. Notei o tamanho do pinto dele, que era maior do que o do pai. Minha imaginação viajou. Pensei: - Como a Andreia deve ter gozado com ele....ah se fosse eu....nossa que coisa, pensar isso de meu próprio filho. Jonas terminou o banho, se vestiu me beijou e foi para a escola. Passadas algumas horas, fui ao seu quarto e ainda senti o cheiro do sexo que eles estavam fazendo. Meu deu tesão. Coloquei a fita dele no video [era outra fita], e deitada em sua cama peguei a escova de cabelo e com o cabo da escova fui me masturbar, vendo o filme...gozei várias vezes, pela frente, por trás....caindo mole e dormindo. Fui acordada pelo Jonas...eu estava nua. - Porque essa hora Jonas? - Mãe, não consegui ficar na escola. Tinha que voltar e conversar direito c/voce. - Então fale. O que voce quer me contar? - Mãe, agora que voce já sabe da Andreia, quero te contar que quando estava tomando banho vi que voce me espiava. Mãe, porque voce fez aquilo, pois quando notei que voce me espiava e que eu estava me masturbando, senti vontade de me masturbar pensando em voce. - Como, me explique direito. - Isso mesmo mãe. Senti vontade de transar com voce. Me perdõe. Voce é minha mãe e eu não tenho o direito de pensar assim, mas tinha que te contar. Notei pelo seu short, que o volume de seu pinto estava alterado, também, eu estava nua, com meu corpo todo a mostar e ele pela primeira vez estava me vendo assim. Meu pudor de mãe foi para o espaço e não sei como aconteceu, mas que foi bom foi. - Jonas, vem cá meu filho. Deita aqui. Ele se deitou na cama e pegando sua mão e levando a minha buceta disse: - Sente aqui como sua mãe está...toda molhada por sua causa...a Andreia também não fica assim? - Fica sim mãe, até mais que voce está. Larguei a mão dele, e ele continuou passando seus dedos em minha raxa, bem devagar. Fitei os olhos dele e perguntei: - Voce quer? - Não faz mal voce sendo minha mãe? - Não - respondi - fica sendo um segredo só nosso. Nesse momento, começei a tirar seu short, deixando ele só de cueca, e seu pinto estava rasgando a cueca. - Jonas, de agora em diante não me chame de mãe, mas sim de Marise ou de Amor, tá legal? - Claro, meu amor. - Venha, faça comigo tudo que voce fez com a Andreia. - Mas tudo? perguntou ele - Sim, tudinho, em todos os lugares. - Então vem Marise, chupa aqui - e tirando seu pinto para fora, apontava para minha boca. Cai de boca naquele piruzão...há quanto tempo não chupava uma rola. Estava frenética....chupava com bastante força e ouvia ele gemer dizendo que estava bom... Tirei seu pau da boca e falei. - Deixa meu amor, que eu comando as coisas. Dito isso, virei para cima dele e num sessenta e nove coloquei minha buceta em sua boca...que lingua gostosa o Jonas tinha...me lambia todo o suco enquanto eu sugava seu piru...rapidamente gozei deixando que ele chupasse meu néctar...era um gozo preso de quase cinco anos...gritei muito... Ele ainda continuava me chupando e sai de cima dele. - Vem meu homem, mete essa pica dentro de mim. - Vou enfiar tudo nessa buceta gostosa - disse ele - Enfia, faz sua Marise sentir mais prazer, faz meu macho. O sacana mesmo com pouca idade sabia fuder...me fez gozar mais umas tres vezes na buceta. Depois pedi para colocar em minha bunda. Foi um pouco dolorido, pois havia tanto tempo que não fazia sexo que meu anus estava bem apertado. ELe gozou tudo dentro da minha bunda, derramando todo o leite quente em meu reto. Depois ainda chupei para limpar aquele pinto gostoso. Bom, a verdade é que de quinze dias até hoje, arrumei um novo homem para mim e o Jonas nada mais quiz com a Andreia. Dormimos juntos e ele toda noite me fode. Tem dias de manhã, que chego atrasada no trabalho, pois tenho ficado esgotada pelas trepadas da noite. O Jonas não sossega, que vigor...é uma atrás da outra. O novo e mais feliz casal da praça - JONAS E MARISE

9 comentários:

Gildo Roberto Ferreira 31 de março de 2010 20:19  

COISA DE LOUCO!!!!!


MÁS EXITANTE.

aa 3 de maio de 2010 09:58  

é so gente maluca puta que pariu

- 7 de fevereiro de 2011 05:24  

Ate eu me masturbei , muito exitante essa historia gozei legal ... Delicia

jaiminholobo@hotmail.com 28 de fevereiro de 2011 03:55  
Este comentário foi removido pelo autor.
confidencial carlos 1 de fevereiro de 2014 16:03  

Carlos um homem bem adiante do meu tempo.
Apresentação
Três amigos Carlos, Marta, Fabiano que curtem sexo, não desejamos expor nossa imagem em casas de swing, clubes ect, porque não expor nossa imagem, como tantos fazem um dos motivos digamos que pertencemos a um seguimento religioso e desta forma com dogmas a ser seguidos. Penso que como nos algumas pessoas tem seus motivos e não podem se expor, adoram sexo desejam sexo todos os dias, mas não desejam expor sua imagem na rede ou em circuito fechado pois podem vazar para rede.
Então resolvemos nos organizar dentro de uma irmandade, não inventamos nada apenas aprimoramos o que já existe, vejamos mesmo no século 21 temos sociedades fechadas.
Por outro lado temos pessoas com relacionamento estável, Mulheres, noivas com namorados, casadas, Homens casados com aproximadamente entre 1 a 50 anos de relacionamento estável, uma família estruturada, mas que o parceiro (a) já não rende tanto como antes creio que você entendeu, estas pessoas desejam apenas sexo, e seu parceiro não aceita outra pessoa cito sexo a três, estes casais não desejam terminar seu relacionamento nem pensão em terminar, como resolver este dilema dentro de uma Irmandade.
Solteiras e Solteiros são bem vindos, nosso filosofia de vida sexo com respeito, segurança, (sem o valor financeiro como moeda de troca) sexo sem pagamento, sexo por prazer e afinidade, sexo por amizade.
Etnia são todas bem vindas, sua cor, seu porte físico, seus quilinhos a mais ou a menos, sua beleza física, não somos amigos de pessoas usando este critério, então não se preocupe para nos o mais importante e seu caráter, seja você travesti, mulheres bissexual, Passivos.
Século 21 temos mulheres e homens que desejam sexo com segurança e ficam em duvida aonde buscar este prazer com total privacidade de sua imagem, dentro de uma Irmandade vocês vão ter.

OBS, todos são bem vindos a Irmandade

Primeiro contato por e-mail não coloque seu e-mail em nosso perfil, pois desta forma você se expõe, seu endereço virtual e todos ficam sabendo e passam a ter acesso a você. Tem duvidas pergunte bsbdfconfidencial@gmail.com

Um abraço Carlos.

joaquim Nora 16 de junho de 2014 17:35  

eu fodia era com vc marize te arrebentava era tudinha vagabunda sua cadela

Postar um comentário

Esta Página contém posts e comentários.

  

voltar ao topo